13 . Janeiro

X

Pelourinho Dia e Noite permite abertura de mais museus aos finais de semana

Que o Centro Histórico de Salvador é cheio de magia e encantos que ressaltam a singularidade do povo baiano todo mundo já sabe. A novidade é que moradores e turistas terão a oportunidade de mergulhar ainda mais nas histórias e traços artísticos que deram origem à cultura do povo da primeira capital do Brasil. A partir deste fim de semana (7 e 8), a Prefeitura, sob a coordenação geral da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), inicia o “Portas Abertas”, programação cultural dentro do Pelourinho Dia e Noite que promoverá a abertura de mais museus para visitação aos sábados e domingos.

Nesse primeiro momento, dez museus estarão de portas abertas para receber o público, que terá a oportunidade de conhecer documentos, fotografias, livros e prêmios recebidos por Jorge Amado; obras de arte do Golfo do Benin, de onde vieram a maioria dos negros que povoaram o Recôncavo Baiano; e exposição de objetos representativos das três etnias que deram origem ao povo brasileiro: índios, brancos e negros. Também podem ser conferidos documentos da vida privada, cotidiana e profissional dos homens públicos que ocuparam os mais altos cargos no poder executivo do Estado e a mais valiosa coleção de arte sacra do Brasil, dentre outros temas.

A iniciativa foi fruto da constatação de que muitos dos equipamentos ficavam fechados aos finais de semana, dias de maior movimentação em um dos principais pontos turísticos da cidade. “Essa iniciativa é muito importante tanto para o turista quanto para a população de Salvador, que precisa ter acesso a esse material e só tem tempo para fazer visitações desse tipo aos finais de semana. É uma grande chance de conhecer a história e a identidade da cidade com a família, fazendo o percurso dos museus a pé e tornando o dia diferente. Tenho certeza que qualquer pessoa vai sair encantada com nossas riquezas”, destaca Fernando Guerreiro, presidente da Fundação Gregório de Mattos (FGM), vinculada à Secult.

O “Portas Abertas”, aliado às demais atrações do Pelourinho Dia e Noite, já traz expectativas positivas para setores como o turismo. Para o presidente do Conselho Baiano de Turismo (CBTur), Roberto Duran, a abertura dos museus também aos domingos é uma reivindicação antiga do trade turístico. "Em qualquer lugar do mundo, os museus funcionam aos finais de semana e atraem visitantes. Salvador andava na contramão desta realidade. A iniciativa é fundamental para aquecer a visitação ao Centro Histórico. É mais um fator que o turista levará em conta quando decidir vir à cidade", avalia. 

Reforço na programação - A medida vai reforçar ainda mais a programação cultural gratuita já promovida pelo Pelourinho Dia e Noite. Uma das novidades é o Ajeum de Verão, que acontecerá na Casa do Benin de 6 de janeiro a 19 de fevereiro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados e domingos, das 10h às 16h. A atividade que divulga a culinária de origem africana contará com a chef Ana Célia Batista todas às sextas, sábados e domingos, no horário de almoço, das 11h às 16h. Às sextas-feiras, será realizada uma oficina gratuita com oito vagas e, para participar, basta enviar e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. A seleção será através da ordem de inscrição, onde os oito primeiros inscritos receberão a confirmação. A Casa do Benin é administrada pela Prefeitura por meio da Fundação Gregório de Mattos.

Além do Ajeum de Verão, prosseguem na grade do Pelourinho Dia e Noite o Concerto nas Igrejas, que realiza apresentações musicais nas igrejas nas manhãs de domingo, Programação Infantil com atrações para a criançada no Largo de Santo Antônio, e SambaJazz no Pelô, no Largo do Terreiro de Jesus.

Serviços – Para aproveitar com mais conforto a programação, serão disponibilizadas cerca de 240 vagas de estacionamento Zona Azul na região, além de mais de 800 vagas em estacionamentos privados. Os visitantes contarão com o Posto de Atendimento ao Turista localizado no Elevador Lacerda, um dos principais cartões-postais da cidade e bastante utilizado pela população para acesso entre as cidades Alta e Baixa. O posto funciona nos dias úteis, das 9h às 18h, e aos sábados, das 9h às 13h. Além disso, os serviços de limpeza, o ordenamento de ambulantes e do trânsito serão intensificados neste período. 

 

Abaixo a relação dos museus: 

 

Museus

Sábados

 

Domingo

Endereço

Descrição

Fundação Casa de Jorge Amado

10h às 16h

 

10h às 16h

Rua dos Portas do Carmo, 49/51 Largo do Pelourinho

Exposição permanente de documentos, fotografias, livros, apropriações populares e prêmios recebidos por Jorge Amado

Casa do Benin - Fundação Gregório de Matos

10h às 16h

 

10h às 16h

Rua Padre Agostinho Gomes, 17, Pelourinho

Rica coleção de objetos e obras de arte da região do Benin. A Casa foi inaugurada em 1988 e resultou no intercâmbio em o Brasil e o país africano

Livraria Temática Vila Étnica

9h às 13h

 

9h às 13h

Largo Terreiro de Jesus, nº 06, Pelourinho

 

Espaço localizado bem no coração do Centro histórico. Abriga objetos representativos das três etnias que deram origem ao povo brasileiro: índios, brancos e negros

Museu Abelardo Rodrigues

12h às 17h

 

12h às 17h

Rua Gregório de Mattos, 45 - Pelourinho

Imagens, pinturas, oratórios, crucifixos e fragmentos de talha. a mais valiosa coleção de arte sacra do Brasil

Museu da Misericórdia

9h às 17h

 

12h às 17h

Rua da Misericórdia, 06, Praça da Sé

Acervo com 3,874 peças catalogadas, que datam do séc. XVII até os dias atuais. Documentos diversos, como: alfaias, imobiliários, imaginários, paramentos, dentre outros

Museu Eugênio Teixeira Leal

13h às 17h

 

10h às 14h

R. J Castro Rabelo (esq. com rua Portas do Carmo), Pelourinho

Retrata a história do dinheiro através de 5 mil peças, que incluem cédulas, moedas, medalhas, condecorações nacionais e estrangeiras. Destaque para peças raras do Império Romano, Bizantino e Idade Média

Museu Tempostal

12h às 17h

 

12h às 17h

Rua Gregório de Mattos, 33, Pelourinho

Postais, estampas e fotografias, em sua maioria, procedentes da coleção de Antônio Marcelino do Nascimento e representam imagens de valor histórico, artístico e cultural

Museu Udo Knoff

- Azulejaria e Cerâmica

12h às 17h

 

12h às 17h

R. Frei Vicente, 3 - Pelourinho, Salvador - BA, 40025-060

 

Coleção ceramista de Udo Knoff, mestre da azulejaria até a primeira metade do séc XX. Cerca de 1.200 peças do artista

Solar Ferrão

12h às 17h

 

12h às 17h

Rua Gregório de Mattos, 33, Pelourinho

 

Tombado pelo Iphan em 1938, o casarão possui seis andares e abriga a galeria Solar Ferrão, o Museus Abelardo Rodrigues, e quatro coleções: de Arte Africana, a de Arte Popular, a Coleção Walter Smetak e a Coleção de Instrumentos Musicais de Emília Biancardi

Museu da Gastronomia Baiana - MGBA

9h às 14h30

 

---------

Praça José de Alencar, 13/19 – Largo do Pelourinho

Primeiro museu da América Latina a abordar a culinária, o MGBA ganha destaque no cenário nacional ao mostrar de forma permanente a tradição gastronômica da Bahia e a importância da comida na formação da identidade do baiano.

 

Fonte: Secom

 

Diversão e Lazer, Pelourinho Dia e Noite, Entretenimento,